CONTRIBUIÇÕES DA ENGENHARIA QUÍMICA PARA A ERA MODERNA

A era moderna conta com várias conquistas realizadas pela Engenharia Química em várias áreas diferentes. Desde a área de biomateriais, contribuindo para a medicina até para áreas ainda não exploradas com a descoberta das 6 ligações do carbono.

A Engenharia Química foi uma das carreiras que mais contribuiu e contribui para a Era Industrial e para a Era Moderna. Muitas das conquistas proporcionadas pela Engenharia Química ajudam na melhoria da qualidade de vida humana. Um exemplo é a colaboração com a Biomedicina na criação dos biomateriais que são grandes aliados para a evolução constante da medicina. A criação de órgãos artificiais, tais como o coração, próteses para várias partes do corpo e microcápsulas que podem ser inseridas no corpo para liberarem medicamentos lentamente, são grandes conquistas que a Engenharia Química proporcionou. (GUIA DA CARREIRA, 2016)

Ainda relacionadas à qualidade de vida, existem as contribuições no ramo da química verde que visam ajudar a reduzir ou eliminar o uso e geração de substâncias nocivas à saúde ou ao meio ambiente. A Engenharia Química tem a missão de redesenhar os processos industriais visando uma produção mais limpa, substituindo os reagentes, analisando o direcionamento correto dos rejeitos com o objetivo de conseguir produtos cada vez mais ecologicamente sustentáveis. (BILLA, 2003)

Economicamente, a Engenharia Química também trouxe grandes avanços com a descoberta e fabricação de materiais incríveis como a fibra de carbono. A descoberta de um material forte e ao mesmo tempo leve é fantástica e fornece inúmeras possibilidades. Além dessa vantagem associada às propriedades do material, a fibra de carbono proporciona produtos mais viáveis economicamente, uma vez que sua produção consegue ser mais barata em escala industrial e possui maior durabilidade, devido à estrutura não oxidável (HAMANN,2015).

E uma das maiores novidades dos últimos tempos é a descoberta do carbono com 6 ligações que deixa à todos a ansiedade para saber se poderão surgir novas aplicações, por exemplo, produzir novos tipos de nanotubos de carbono. Apesar da instabilidade desse composto, se tratando de química não se pode duvidar de nada (HENRIQUE,2017).

São tantas contribuições que é quase impossível relatar todas em um texto, e não pára por aqui, a Engenharia Química vem cada vez mais surpreendendo e colaborando para grandes conquistas.

Referências Bibliográficas:

GUIA DA CARREIRA. Engenharia Química: As 10 maiores descobertas. 2016.Disponível em <http://www.guiadacarreira.com.br/profissao/engenharia-quimica-descobertas/> [acesso em 14 fev.2017],10:04.
BILLA.R. Os processos de Engenharia e a Química Verde.COBENGE.2003. Disponível em <http://www.abenge.org.br/CobengeAnteriores/2003/artigos/EDS111.pdf> [acesso em 14 fev.2017],11:02.
HAMANN.R. Fibra de carbono: como é feito e como funciona esse material incrível.2015. Disponível em <https://www.tecmundo.com.br/quimica/76017-fibra-carbono-feito-funciona-material-incrivel.htm> [acesso em 14 fev.2017], 11:32.
HENRIQUE.D.Carbono visto em ligação com seis outros átomos pela primeira vez.2017. Disponível em <http://socientifica.com.br/2017/01/carbono-visto-em-ligacao-com-seis-outros-atomos-pela-primeira-vez/> [acesso em 14 fev.2017],11:45.
IMAGEM 1. Engenharia Química. Disponível em http://portal.estacio.br/graduacao/engenharia-qu%C3%ADmica. Acesso em 14 fev.2017.

 

Carla Cristina Araújo Parreira

Trainee do setor acadêmico da BetaEQ e estudante no Centro Universitário UNA