BEBIDAS E ENGENHARIA QUÍMICA: GUARANÁ JESUS

O refrigerante é hoje conhecido pelos brasileiros pelo slogan “o sabor de viver o Maranhão”. É docinho, com um toque de cravo e canela e, claro, tem um tom rosado inconfundível.

Apesar de ter sido um produto exclusivo de alguns estados do Nordeste até o início deste ano, por iniciativa de fabricantes franquiados do sistema Coca-Cola, o Guaraná Jesus começou a ser distribuído oficialmente nos estados de São Paulo, Minas Gerais, Paraná e no Distrito Federal.

A Brasal Refrigerantes, começou a fabricar o Guaraná Jesus em abril, distribuindo a bebida apenas dentro da sua área de atuação, no Distrito Federal. Até então, o produto era produzido exclusivamente em São Luís pela Solar e encontrado apenas em municípios do Maranhão, Piauí e parte do Tocantins.

Em maio, a Coca-Cola FEMSA, a maior fabricante de refrigerantes do país, anunciou o início da distribuição do Guaraná Jesus em pontos de venda selecionados em cidades de Minas Gerais, São Paulo e Paraná.

Mas quem inventou o Guaraná Jesus?

O folclórico refrigerante foi criado em 1927 num laboratório de fundo de quintal em São Luís, pelo farmacêutico Jesus Norberto Gomes. A logomarca foi inspirada na assinatura do seu inventor.

A história difundida pela família ao longo dos anos diz que o objetivo inicial do farmacêutico era produzir uma espécie de magnésia fluída, um remédio que estava na moda na época. O negócio acabou não dando certo, mas evoluiu para um xarope que agradou muito aos netos. Nascia o Guaraná Jesus.

A bebida cor-de-rosa, muito mas muito doce e com traços de cravo e canela teria 17 ingredientes básicos, mas a fórmula exata também é tratada com áura de mistério. Por décadas, o slogan estampado nos rótulos foi “Guaraná Jesus, o sonho cor-de-rosa”.

E o que a Coca-Cola Brasil tem a ver com uma das bebidas mais queridas do Nordeste?

Em 1980, a família de Gomes vendeu a marca à antiga Companhia Maranhense de Refrigerantes, na época franqueada da Coca-Cola Brasil no estado. Em 2001, o guaraná foi adquirido pela Coca-Cola Brasil e passou a fazer parte do nosso portfólio de produtos — sem nunca perder seu sabor característico ou a identificação com a cultura local. Uma das preocupações é justamente preservar a história da marca. Por isso, os elementos gráficos do rótulo representam a própria cor do produto e o logotipo “Jesus” remete à assinatura do seu criador.

Guaraná Jesus expande ainda mais o seu alcance de mercado  a partir de 2011, quando atende a crescente demanda dos consumidores por produtos sem açúcar e traz uma novidade aos seus apreciadores: o Guaraná Jesus Zero Caloria. A nova versão preserva o sabor tradicional e autêntico do produto, com traços de cravo e canela, porém, sem adição de açúcar

 

“Manter os aspectos tradicionais da bebida foi um compromisso assumido pela Coca-Cola Brasil diante da família do criador da marca, Jesus Norberto Gomes, ao adquirir a marca em 2001. Todas suas características originais foram mantidas, e o produto que você bebe hoje é o mesmo que era bebido há 89 anos”, garante Rodrigo Assunção, diretor de Marketing e Planejamento Estratégico da Solar.

Orgulho maranhense

 

A embalagem, aliás, foi criada com a ajuda dos maranhenses. Em 2008, foram apresentadas três opções, e os consumidores escolheram a nova identidade visual por meio de voto popular. O modelo vencedor foi inspirado nos azulejos coloniais portugueses de São Luís e ganhou medalha de ouro de Melhor Estratégia de Marketing no Prêmio Internacional de Excelência em Design (IDEA).

Para saber mais a respeito clique aqui ou aqui

 

Deixe aqui a sua opinião