SEIS SIGMA: GESTÃO E CONTROLE DE QUALIDADE

A metodologia Seis Sigma (ou Six sigma, em inglês) é internacionalmente reconhecida e se baseia em fatos e dados para identificar e implementar melhorias nos processos, garantir custos de operação menores e maximizar os lucros. O conceito da metodologia foi consolidado na década de 1980 pelo engenheiro Bill Smith, na empresa de telecomunicações Motorola, que implantou a filosofia para melhorar sua qualidade e competitividade no mercado. Na década de 1990 o conceito passou a ser utilizado pela corporação General Eletric, se tornando um dos casos mais famosos de sucesso da metodologia.

Se trata de um sistema de estratégia gerencial quantitativo, estruturado e disciplinado, pois faz uso de dados estatísticos, método DMAIC e exige tempo dedicado para monitorar e controlar a qualidade do processo. A metodologia passou por processo de evolução do seu surgimento até os dias atuais, aumentando o número de ferramentas de qualidade utilizados no Seis Sigma.

O método DMAIC é composto por 5 etapas:

A filosofia possui três grandes objetivos, que são: redução de custos, otimização de produtos e processos e incremento da satisfação do cliente. Assim, para a implementação do sistema Seis Sigma o primeiro passo a ser seguido é a busca por problemas no processo e oportunidades de melhoria. Após este levantamento, as equipes que participarão do projeto são formadas de acordo com a capacidade e qualificação dos colaboradores. Essas equipes devem realizar reuniões com frequência estipulada para a discussão dos problemas encontrados.

O processo deverá ser mapeado para o melhor delineamento das soluções e melhorias. Também se faz necessário definir qual o indicador deverá ser utilizado para medir e avaliar o processo. Assim, com o problema mensurado, as equipes responsáveis poderão se reunir e discutir suas possíveis causas e iniciar as mudanças e os testes. Por fim, apenas as mudanças que apresentarem resultados positivos deverão ser mantidas.

No universo empresarial, a Sigma (σ) é um dado estatístico que se refere à frequência com que determinada uma taxa de desperdício/desvio por operação. Desta forma, o Seis Sigma pode ser utilizado para calcular matematicamente o nível de desempenho dos processos da sua empresa e obter um diagnóstico em uma escala de qualidade. Alcançar o 6σ significa uma margem de desvio mínima e um alto padrão de qualidade, que é o que um projeto deve almejar. Normalmente, o processo apresenta nível de qualidade aceitável a partir do nível 4.

Escala de qualidade. Fonte: Voitto, 2019

Uma das vantagens da metodologia Seis Sigma é a sua versatilidade e aplicação em diferentes áreas. Ela pode ser implementada tanto em processos produtivos industriais, como também processos administrativos, logísticos e na área de saúde. Logo, é possível desenvolver melhorias em diversos setores de uma mesma empresa, como no setor financeiro, RH, marketing, e nas linhas de produção.

Para minimizar os desperdícios e maximizar o lucro, a metodologia pode ser empregada na indústria química para aumentar a eficiência de um biorreator, um trocador de calor, um processo de filtração ou até mesmo no armazenamento dos produtos. Toda a cadeia produtiva pode ser repensada e otimizada para obter processos mais eficientes, econômicos e que garantam a qualidade do produto final. As mudanças geradas pela filosofia Seis Sigma são fundamentais para que as empresas possuam competitividade no mercado. Nesse cenário, o conhecimento e a qualificação nas filosofias de gestão e controle de qualidade tem se tornado itens cada vez mais essenciais nos currículos dos engenheiros.

REFERÊNCIAS

Metodologia Seis Sigma: o que é e como funciona?

O QUE É SEIS SIGMA?

Como o Seis Sigma pode ajudar sua empresa a alcançar a excelência

Conheça o passo a passo de como implementar o Seis Sigma numa empresa!