CONDENSAÇÃO RETRÓGRADA

O equilíbrio de fases é um dos problemas mais estudados dentro da engenharia química, dentre os diversos tipos equilíbrio de fases temos o equilíbrio líquido-vapor, que é utilizado principalmente para realizar separação de compostos. Para substâncias simples o equilíbrio de fases é facilmente visto quando construímos um diagrama definindo duas variáveis independentes, nesse caso   pressão[…]

ESTABILIDADE OXIDATIVA DO BIODIESEL

A Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), define biodiesel através da Resolução ANP Nº 30/2016 como “combustível composto de alquil ésteres de ácidos carboxílicos de cadeia longa, produzido a partir da transesterificação ou esterificação de materiais graxos, de origem vegetal ou animal”. No processo de transesterificação, os triglicerídeos presentes nos óleos vegetais[…]

QUÍMICA FORENSE III: TÉCNICAS FORENSES

A química forense é fascinante. Quantas vezes não ficamos impressionados quando os peritos da ficção descobrem vestígios de sangue apenas borrifando um líquido “mágico”? Vamos entender como toda a mágica acontece? Como discutido em episódios anteriores, o trabalho de um químico forense resume-se basicamente na análise de amostras colhidas durante a investigação, provenientes dos locais[…]

QUÍMICA FORENSE II: AS FERRAMENTAS POR TRÁS DAS ANÁLISES

Aplicar uma diversidade de conhecimentos científicos para solucionar perguntas de interesse legal ou jurídico é o objetivo central das ciências forenses. Decifrar quem fez uma determinada atividade e como ela foi realizada pode parecer uma empreitada misteriosa e instigante. Entretanto, a atividade forense não é feita de milagres, mas sim de muita ciência! Vamos entender[…]

QUÍMICA FORENSE I: A ORIGEM

Quem é fã dos filmes e séries de ação e suspense que falam sobre perícia criminal, certamente, já se perguntou como as análises químicas ajudam a decifrar crimes. As respostas são obtidas graças à junção de várias ciências, dentre as quais está a química forense. Quer entender um pouco mais sobre a Química Forense? Acompanhe-nos[…]

A ENGENHARIA DA PRODUÇÃO DE PRESERVATIVOS

O preservativo de borracha foi inventado por Charles Goodyear em 1839, mas foi em 1919 que Frederick Killian criou um novo processo produtivo e introduziu o látex como a matéria-prima principal para produção dos preservativos. Nos dias de hoje, 99% dos vendidos são preservativos de látex natural, que possui a característica de ser resistente, fino[…]

SUPERFÍCIES HIDROFÓBICAS

Devido a correria do dia a dia, a quantidade de tarefas a serem cumpridas, acabamos sendo descuidados com pequenos “acidentes”, como por exemplo, deixar cair algum líquido sobre determinadas superfícies, sendo o sofá o objeto mais comum. Por esses motivos, estudos foram elaborados para evitar tais obsolescências, os quais receberam o nome de superfícies hidrofóbicas,[…]

OBTENÇÃO DO CAFÉ SOLÚVEL E SUAS OPERAÇÕES UNITÁRIAS

O cafeeiro é uma planta perene, dicotiledônea, de porte arbustivo ou arbóreo, de caule lenhoso, folhas persistentes e flores hermafroditas. Com altura média de 4 a 6 metros quando adulto, os cafeeiros geralmente são podados até 3,5 m para facilitar a colheita ou regularizar a produtividade, ainda que no Brasil esta não seja uma prática[…]

FLUIDOS NÃO NEWTONIANOS

Os fluidos não newtonianos são substâncias líquidas ou gasosas que desafiam as leis de Newton. Isaac Newton estabeleceu a existência de uma relação linear entre a força aplicada sobre um fluido e a resposta dele a esta força, assim como algumas propriedades, dentre elas, a viscosidade, que pode ser definida como a quantidade de atrito[…]

BetaEQ Talks – INDÚSTRIA 4.0 NA BRASKEM

 “Meu nome é Lívia Tizzo, sou graduada em engenharia química pela UFU, me formei em 2009. Depois iniciei um mestrado em controle de processos na Unicamp, mas não o concluí, pois comecei a trabalhar na Braskem em Paulínia como engenheira de automação no final de 2010. Fiz também uma pós-graduação na Unicamp em 2012 em[…]

SILÍCIO NO CORPO HUMANO E NA ESTÉTICA

O silício é um dos elementos mais abundantes encontrados na terra, ficando atrás somente do oxigênio, como já visto no texto a Importância do silício. Além de ser empregado em materiais tecnológicos, refratários e na área da saúde, esse mesmo elemento é de fundamental importância para o organismo humano e para a estética. Conforme a[…]

IMPORTÂNCIA DO SILÍCIO NA TECNOLOGIA

É notório que o oxigênio é um dos elementos mais abundantes encontrados na natureza, no entanto, também existem outros, como por exemplo, o silício (Si).  Na crosta terrestre, o silício é o segundo maior em quantidade, com aproximadamente 27,7%, e não é possível encontra-lo na forma isolada, ou seja, ele sempre estará combinado com algum[…]

UTILIZAÇÃO DE MEMBRANAS NOS PROCESSOS DE SEPARAÇÃO DE MISTURAS

Nas indústrias químicas, as etapas de separação, concentração e purificação são operações essenciais em diferentes processos. Em busca de novas tecnologias, o processo de separação por membranas (PSM) têm-se apresentado com uma alternativa promissora frente aos processos convencionais de separação de misturas. O PSM já possui aplicações em diferentes indústrias, como na indústria química, alimentícia[…]

ISÓTOPOS RADIOATIVOS E SUAS APLICAÇÕES

A radioatividade desde o seu surgimento trouxe benefícios e dúvidas para a sociedade. Os benefícios podem ser notados na medicina, na agricultura, na indústria e na produção de energia. Sabe-se que a radioatividade também já foi utilizada para o malefício da população, principalmente na Guerra Fria onde Rússia e Estados Unidos na corrida para provar[…]

PRODUÇÃO DO ÓLEO DE SOJA

A soja é utilizada como matéria-prima para a produção de farelo e extração de óleo. O óleo de soja é classificado em classes e tipos dependendo do grau de elaboração e qualidade. Classifica-se como óleo bruto ou cru o óleo da maneira como foi extraído do grão. O óleo que passou pela extração de fosfolipídios[…]

SÉRIE BetaEQ Talks III – INDÚSTRIA FARMACÊUTICA DA VISÃO DO ENGENHEIRO QUÍMICO

No nosso último episódio da série de entrevistas “A indústria farmacêutica do ponto de vista do Engenheiro Químico”, entrevistamos Thiago Alves Silva (30), formado no ano de 2011 pela Universidade Federal do Paraná (UFPR), campus de Curitiba, no curso de Engenharia Química. Trabalha desde 2012 na Prati-Donaduzzi e atualmente atua como gestor na área de[…]

SÉRIE BetaEQ Talks II – INDÚSTRIA FARMACÊUTICA NA VISÃO DO ENGENHEIRO QUÍMICO

A entrevistada nesta segunda parte da nossa série “Indústria Farmacêutica da visão do Engenheiro Químico” foi Suzani Sgobero Menegon, formada no ano de 2010 pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná (UNIOESTE) e, atualmente trabalha no setor de Excelência Operacional/Processos como gestora de processos, mas que já trabalhou na empresa como estagiária no setor de[…]

SÉRIE BetaEQ Talks I – INDÚSTRIA FARMACÊUTICA DA VISÃO DO ENGENHEIRO QUÍMICO

Dentre os mais variados ramos em que o engenheiro químico pode atuar, está a indústria farmacêutica. E, mesmo dentro da indústria de fármacos existe inúmeras funções onde os engenheiros podem atuar. Hoje iremos apresentar uma série de entrevistas com engenheiros químicos atuando dentro da indústria farmacêutica em diferentes áreas. Os entrevistados dessa Série de Entrevistas[…]

PROCESSO DE PRODUÇÃO INDUSTRIAL DO DOCE DE LEITE

O doce de leite é um dos principais produtos lácteos concentrados que apresenta grande consumo no Brasil e em outros países sul-americanos.  Pode-se afirmar que teve suas origens por meio de fabricações caseiras, desenvolvendo-se na indústria de sacarose a partir da cana de açúcar. Segundo a ANVISA, doce de leite é o produto resultante da[…]

A ENGENHARIA QUÍMICA E A CARREIRA ACADÊMICA

A Engenharia química é a profissão certa para quem tem amor pela química, pela física, por aulas de laboratório, gosta de cálculos, é capaz de cumprir prazos e trabalhar em equipe. As áreas de atuação são amplas porque o engenheiro químico pode estar presente onde houver processos físico-químicos na elaboração de produtos. Mas muita gente[…]

METAIS LÍQUIDOS: INOVAÇÃO NAS LIGAS METÁLICAS

Sabemos que existem metais que são líquidos a temperatura ambiente, porém Metal Líquido é o nome dado à metais devido ao comportamento de suas moléculas a temperatura ambiente e não pelo seu estado físico. Os metais líquidos são muito diferentes dos metais sólidos normais. São insolúveis em água, bons condutores de calor e de eletricidade,[…]

PRODUÇÃO DE LICORES DE FRUTAS ARTESANAIS

O licor de fruta é uma bebida alcoólica preparada sem processo fermentativo, tendo como principais componentes as frutas. Possui graduação alcoólica em torno de 24ºGL e 29º GL e alto teor de açúcar, cerca de 150 g/L.           O processo produtivo é dado pelas seguintes etapas: Recepção e pesagem: recebimento das frutas em caixas, sacos[…]

BetaEQ TALKS – ABATEDOURO FRIGORÍFICO DE AVES

A entrevistada foi realizada com Caroline dos Santos Ribas (24), formada no ano de 2019 pela Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) campus Francisco Beltrão, que trabalha como Analista da Qualidade no Grupo Vibra, Abatedouro Frigorífico de Aves, na unidade de Itapejara D’Oeste. O Grupo Vibra é resultado do sucesso de um grupo familiar de[…]

PROCESSOS DE SEDIMENTAÇÃO

A sedimentação é um processo de grande utilização em indústrias químicas, onde a fase líquida e sólida são separadas devido a diferença de densidade entre elas e a ação da gravidade. Essa separação ocorre em tanques que são chamados sedimentadores, eles podem operar em batelada ou em equipamento contínuo. Esses tanques possuem diversos modelos devido[…]

ENZIMAS NA INDÚSTRIA DE ALIMENTOS

No corpo humano inúmeras reações químicas ocorrem, que são responsáveis pela manutenção e funcionamento celular. Essas reações são facilitadas por causa de uma proteína chamada enzima, sem as enzimas essas reações demorariam muito para acontecer, por isso são chamadas de catalizadoras pois, aceleram e reduzem a energia inicial das reações químicas, atuando no nível molecular[…]

EFEITO MARANGONI – BOLHAS DE SABÃO

O efeito Marangoni ocorre quando existe um gradiente de tensão superficial na interface das duas fases, podendo ser líquido-líquido ou líquido-gás. O líquido com maior tensão superficial “puxa” o fluido circundante com mais força, fazendo com que o de menor tensão superficial suba e, com o seu próprio peso, desça novamente para a região de[…]

MINERAÇÃO: REJEITOS E SOLUÇÕES

O Brasil possui um território de extensão continental com grande diversidade geológica. A existência de jazidas atrelada a essa diversidade coloca o país em posição de destaque no cenário global de reservas e produção mineral. O Brasil é o principal produtor de nióbio, em 2017 se destacou com a parcela 93,07% da produção mundial desse[…]

PRODUÇÃO DE CREME DENTAL

O creme dental, também conhecido como pasta de dente, é um produto químico utilizado durante a escovação dos dentes e tem como finalidade proporcionar uma boa higiene bucal. Até então, nenhuma novidade, mas o que muita gente não sabe é que a sua fabricação envolve uma série de produtos químicos e processos fabris. Existe uma[…]

A POTABILIZAÇÃO DA ÁGUA DO MAR É UMA REALIDADE?

A dessalinização é um tratamento físico-químico no qual retira-se o excesso de sais minerais, micro-organismos e outras partículas sólidas presentes nas águas salgada e salobra. Este processo pode ser empregado para transformar água do mar em água potável e garantir o abastecimento de milhões de pessoas no mundo. A dessalinização pode ser realizada por dois[…]

PURIFICAÇÃO DE BIODIESEL

O biodiesel é um combustível oriundo de matéria-prima renovável como óleos vegetais e gorduras animais. Além de ser biodegradável, este diesel ecológico, possui propriedades de combustão comparáveis ao diesel comum, sendo apropriado para a queima nos motores diesel e, ainda, é um ótimo lubrificante, otimizando a vida útil dos equipamentos e minimizando a necessidade de[…]

ADSORÇÃO: DEFINIÇÃO E CARACTERÍSTICAS

A adsorção apresenta aplicações práticas na indústria e na proteção ambiental, sendo útil em vários setores. Esse processo é um dos mais eficientes no tratamento de água. A adsorção é um processo de transferência de massa, onde é observado a capacidade de alguns sólidos de se concentrarem na superfície de determinadas substâncias que estão presentes[…]

DA EOLÍPILA À CALDEIRA

De acordo com a Norma Regulamentadora número 13, NR-13: “Caldeiras a vapor são equipamentos destinados a produzir e acumular vapor sob pressão superior à atmosférica, utilizando qualquer fonte de energia, excetuando-se os refervedores e equipamentos similares utilizados em unidades de processo. ” A caldeira é um reservatório do qual deseja-se que saia vapor d’água para[…]

FUNDAMENTOS QUÂNTICOS DA RESSONÂNCIA MAGNÉTICA NUCLEAR

A espectroscopia de Ressonância Magnética Nuclear (RMN) é atualmente uma ferramenta indispensável em diversos campos de aplicação de análises químicas. Sua primeira aplicação na química se deu com a utilização de parâmetros espectrais de deslocamento químicos e acoplamento spin-spin, responsáveis pela determinação de estrutura de moléculas orgânicas naturais e sintéticas; sendo predominante até o fim[…]

REYNOLDS

Osborne Reynolds (1842-1912) foi um físico britânico muito importante para a mecânica dos fluidos, ele se formou em 1867 em Matemática pela Cambridge, mas tomou gosto pelos estudos com fluidos na recém-criada escola de engenharia liderada por Prony, final do século XVIII. Em 1883 ele introduziu o número adimensional mais importante para a mecânica dos[…]

TENSOATIVOS

Tensoativo é um tipo de molécula que apresenta uma parte com característica apolar ligada a uma outra parte com característica polar, que é responsável pela solubilidade da molécula em água. Sabões, detergentes, xampus e sabonetes são exemplos de tensoativos amplamente utilizados. Devido às suas estruturas e propriedades, substâncias tensoativas em presença de uma fase orgânica[…]

CONTROLE DE MICRORGANISMOS NOS ALIMENTOS

Microrganismos, como bactérias, leveduras, fungos e vírus são amplamente encontrados no ar, na água, no solo, nos corpos vivos e nos produtos alimentares não processados e causam sabores e odores desagradáveis, produção de limo, mudança na textura e aparências e deterioração dos alimentos. A prevenção da deterioração e/ou controle dos micro-organismos nos alimentos é importante[…]

POLÍMERO BAQUELITE

A baquelite (polioxibenzimetilenglicolanhidrido) é uma resina sintética extremamente resistente. Trata-se de um polímero de condensação, formado pela polimerização entre o fenol (benzenol ou hidroxibenzeno) e o formol (formaldeído ou metanal), com a eliminação de moléculas de água, cuja reação de formação é representada pela figura abaixo. A baquelite foi a primeira resina a ser inventada,[…]

POLÍMERO BAQUELITE

A baquelite (polioxibenzimetilenglicolanhidrido) é uma resina sintética extremamente resistente. Trata-se de um polímero de condensação, formado pela polimerização entre o fenol (benzenol ou hidroxibenzeno) e o formol (formaldeído ou metanal), com a eliminação de moléculas de água, cuja reação de formação é representada pela figura abaixo. Reação de Formação da Baquelite A baquelite foi a[…]

PROCESSO DE ABSORÇÃO

Processos de absorção são facilmente encontrados nas indústrias, e são considerados operações de separação de um composto presente em uma mistura gasosa, por um líquido, através da solubilidade entre os dois. Esse processo ocorre dentro de uma torre/coluna de absorção, e geralmente, acontece em contracorrente. As indústrias utilizam esse processo para obter/recuperar um composto gasoso,[…]

REAÇÃO ALUMINOTÉRMICA – TERMITE

Termite é um tipo de reação aluminotérmica entre o alumínio e um óxido metálico, onde o alumínio será oxidado, resultando em um metal líquido. Foi desenvolvida por Johann Wilhelm Goldschmidt, com o objetivo de obter metais com um teor de pureza elevado e em 1899 passou-se a ser utilizado em soldagens, principalmente para as linhas[…]